INSCREVA-SE:

Ao se inscrever, irá receber com exclusividade, notícias, slides e materiais disponibilizados diretamente no seu e-mail.

Há muitos anos atrás escrevi o texto abaixo, se tornou atual a discussão.

” … ESTE É O PRINCÍPIO FUNDAMENTAL DA NATUREZA HUMANA : ENTRE O ESTÍMULO E A RESPOSTA ENCONTRA-SE A LIBERDADE DE ESCOLHA … “

https://bhls.wordpress.com/2011/02/24/7-habits-of-highly-effective-people-by-stephen-r-covey/

Stephen Covey

Stephen R. Covey, no livro “Os 7 hábitos das pessoas muito eficazes“.

Normalmente é muito mais fácil culpar outros, situações adversas ou o azar por tudo de ruim que nos acontece. Estamos habituados a arranjar sempre uma desculpa, é mais tranquilo para a auto-crítica e para a nossa consciência. A educação dos pais, o(a) esposo(a), os filhos, a empresa, o chefe, os colegas, o governo, etc são sempre os maiores responsáveis pelo estado em que nos encontramos. É interessante verificar como, perante a nossa família, acusamos os outros pelas nossas dificuldades e fracassos profissionais. Pudera, eles não têm como verificar se tudo o que estamos dizendo é verdade. Eles estão lendo a realidade por nossos olhos e por nossos filtros, interesses e preconceitos.

            Se pensarmos um pouquinho verificaremos que tudo o que temos ou somos hoje é o resultado direto de decisões ou opções que fizemos no passado. A todo o momento estamos tomando decisões ou optando perante os estímulos que nos colocam constantemente, tanto o meio como as pessoas com quem convivemos. O que não nos apercebemos é que a reação que temos a esses estímulos externos é que vai determinar como os outros nos vêm, como seremos no futuro e o que teremos.

            Existe sempre uma fração de segundo entre o estímulo e a resposta que damos a ele, em que temos todo o livre arbítrio do mundo para decidir o que fazer ou dizer. Esse pequeníssimo tempo de que dispomos é extremamente importante para decidir se somos ou não responsáveis pelo nosso destino e pelos nossos sentimentos. Não podemos deixar que outros nos conduzam e influenciem a nossa alegria, a nossa motivação e o nosso futuro reagindo negativamente e de forma não condizente com o que queremos ser. Entretanto para reagir pro ativamente a todos os estímulos externos precisamos ter sempre em mente de forma clara e precisa quais nossos objetivos de vida, o que queremos ser e quais princípios e valores vão nos conduzir. Esse é o ponto fundamental: primeiro sempre o mais importante.

            Existe um ditado português influenciado pelas touradas que diz que precisamos pegar o touro das nossas vidas pelos chifres e não pelo rabo. Então é hora de assumir de vez que somos os únicos e exclusivos responsáveis pelo que fomos, somos e seremos, basta verificar os inúmeros exemplos de pessoas deficientes, doentes, etc que não se deixaram abater e suplantaram todas as adversidades.

Share Button

Comments are closed.

Site artístico:

Nico Moreira

support